Por que um de quarenta é melhor que dois de vinte?
Nós e Eles

Por que um de quarenta é melhor que dois de vinte?

17.09.2016 • 0 Comentários

Hoje ele faz quarenta anos. Há onze, comigo. E depois de mais de um década de convivência visceral, carnal, na alma e no peito, dá para afirmar que o conheço bem e direito. E posso lhe assegurar, ele é um sujeito engraçado. Daquele tipo nada delicado. Na vida profissional, comportamento exemplar, excepcional. Na vida real, […]

Leia mais
Por que amar pode nos salvar?
Alguma Outra Coisa

Por que amar pode nos salvar?

31.08.2016 • 0 Comentários

Ontem eu estava desesperançosa. Mas como inconstância é meu segundo nome, hoje estou assim, melosa. É que acordei “com amor”, como diria meu filho mais novo quando, depois de me desobedecer, abraça e diz “mamãe, tô com amor em você”. Mas hoje não falarei sobre esse meu pequeno e barato sedutor, mas sobre o fato […]

Leia mais
Por que desabafar deixa o pesado mais leve?
Alguma Outra Coisa

Por que desabafar deixa o pesado mais leve?

19.08.2016 • 0 Comentários

Mais um da série confissão: esses dias voltou a faltar inspiração. Mas não é por falta de emoção, não. É que teve muita saudade da vó, muita mesma, daquela que dá na garganta, no peito, no estômago, um nó. Teve brasileiro dando orgulho, saltando alto e francês que, se queria mais carinho, deveria ter descido […]

Leia mais
Por que só dizer “amém” não te faz uma pessoa “do bem”?
Alguma Outra Coisa

Por que só dizer “amém” não te faz uma pessoa “do bem”?

02.08.2016 • 0 Comentários

Esse vai ser um texto difícil porque nunca é fácil falar sobre fé, religião e sua variação e também porque há o receio de que alguns amigos (daqueles especiais, que se coloca em uma mão) possam, talvez, não compreender a reflexão. Ou se magoarão. Então, vou começar pedindo atenção para que os ouvidos sejam abertos, […]

Leia mais